Blog Santo Antônio
Ver todos
  Vídeos
Notícias

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio
18
Mai / 2019

AGENDA ESPORTIVA

O fim de semana esportivo vai ser movimentado em Luís Eduardo Magalhães, com disputas em várias modalidades.

No sábado (18), a partir das 8h, o Clube Rio de Pedras recebe uma etapa do Circuito Baiano Escolar de Vôlei de Areia.

No futebol, três jogos da segunda rodada do Floraes Cup movimentam o Campo do Terrão, no bairro Santa Cruz. Na primeira partida, às 14h30, o Barça FC enfrenta o Gerais. Em seguida, tem Santa Cruz e Os Manos do JPV e na terceira partida tem Papa Tudo e River Plate.

Sábado e domingo das 9h às 11h e das 13h às 15h a Pista Júnior Polleto recebe mais uma etapa do Campeonato Baiano de Velocidade na Terra.

O domingo começa com um amistoso de Basquete. O time da Associação Bola Laranja faz um amistoso contra a seleção do Estado de Goiás. A partida será às 8h, na quadra da Escola Municipal Ottomar Schwengber.

Também no domingo tem o complemento da rodada do Floras Lea Cup de Futebol, no campo do Terrão do Santa Cruz. A partir das 8h, jogam RG Distribuidora e RB Futebol Clube. Logo em seguida é a vez do Red Bull pegar o Infra FC. Encerrando a rodada, o Tamandaré FC joga contra o Sport FC.

Também a partir das 8h, começa o Torneio Honorio’s Caldo de Futebol Society, no Campo do MEC.

No futsal feminino, o Realeza de Luís Eduardo Magalhães participa da 1º Copa da Quadra da Mantiqueira em Barreiras, a partir das 8h30. Ainda em Barreiras, a partir das 15h30, o River Plate de Luís Eduardo Magalhães pega o Vila Real, no Campeonato do Albori.

Pela Copa Oeste de Seleções Master, a equipe de Luís Eduardo Magalhães vai a Catolândia jogar contra a equipe local. O jogo será às 15h45, no estádio municipal.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação (ASCOM) Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães/BA

Na última quarta-feira (15), o prefeito Oziel Oliveira se reuniu com gestores das escolas municipais e solicitou o uso responsável dos recursos do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE). A verba é destinada às unidades de ensino e pode ser aplicada no custeio e capital; sendo aquisição de equipamentos pedagógico, material de limpeza, manutenção predial e compra de materiais de escritório.

Durante o encontro, o chefe do executivo municipal falou sobre a importância do dinheiro e da necessidade da transparência nos investimentos para que a comunidade tenha o retorno necessário. “O planejamento é fundamental. A partir do momento em que todos definem as metas e estabelecem prazos, os bons resultados logo aparecem e os maiores beneficiados são os nossos estudantes”, comentou o prefeito.

Cintia Dourado, diretora da escola Onero Costa da Rosa, afirma que todo o gestor tem uma responsabilidade de agir com transparência ao gerir os recursos do PDDE. "Uma vez que se fala em planejamento de recursos federais é mais importante ainda, a gente recebe esses valores anualmente para gerir dentro da necessidade da escola, no que tange material de custeio e capital. Em nossa unidade reunimos com os professores e depois com os pais para que sugiram como aplicar esse recurso, depois analisamos as reais necessidades para o bem estar dos nossos alunos e toda comunidade escolar", afirmou a diretora.

Programa Dinheiro Direto na Escola - O PDDE foi criado em 1995 e tem por finalidade prestar assistência financeira para as escolas, em caráter suplementar, a fim de contribuir para manutenção e melhoria da infraestrutura física e pedagógica, com consequente elevação do desempenho escolar. Os recursos do programa são transferidos de acordo com o número de alunos, de acordo com o censo escolar do ano anterior ao do repasse.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação (ASCOM) Prefeitura de Luís Eduardo Magalhaes/BA

Aconteceu na noite da quinta-feira (09), o lançamento do livro “O monstrinho Cruk”, da autora Jeane Cruz de Andrade, no Centro Cultural de Luís Eduardo Magalhães. Entusiastas da leitura, familiares e amigos da autora, além do secretário de Cultura e Turismo, Leandro dos Santos e a professora e tradutora da obra para o espanhol, Eliete Soeli Fachinello, prestigiaram o evento.

Na oportunidade Jeane realizou uma sessão de autógrafos e com a ajuda do fantoche “Luk”, personagem principal da obra, contou aos presentes como foi o processo de produção do livro, as principais fontes de inspiração para criar suas histórias, além de realizar uma breve apresentação do livro, deixando o público curioso em saber o final da história.

De acordo com a autora, o apoio da Secretaria de Cultura e Turismo do município foi muito importante para a divulgação da obra. “Agradeço toda a equipe da secretaria que me recebeu de braços abertos, oferecendo o espaço do Centro Cultural e os meios para a divulgação do meu livro”, comentou Jeane. “Pretendo lançar ainda mais 28 livros e tenho a certeza que poderei contar novamente com o apoio da secretaria”, finalizou.

Durante o evento, o secretário Leandro dos Santos divulgou que a secretaria de Cultura e Turismo publicará em breve, um edital convidando os autores de Luís Eduardo Magalhães a lançarem também os seus livros voluntariamente no Centro Cultural.

Sobre o livro - De uma forma criativa a amável, Jeane conta a história de Luk, um garotinho que acabou não seguindo os conselhos de sua mãe e deixou o monstrinho da crueldade (Cruk), entrar no seu coração. Mas Luk logo percebe o mal que está fazendo a si mesmo e aos outros em sua volta e então expulsa de vez o Cruk do seu interior. Uma história doce e educativa, recheada de cores e esperança.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação (ASCOM) Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães/BA

Na manhã da quinta-feira (16), fiscais da secretaria de Meio Ambiente e Economia Solidária avaliaram a situação do lixo jogado indevidamente no final da Avenida Brasília, no bairro Mimoso I.

No local, foram encontrados restos de alimentos, lixo doméstico, caixas de papelão, garrafas plásticas, restos de materiais de construção, lixo eletrônico e pneus. Uma situação que além de provocar mau cheiro, coloca em risco a saúde da população, pois o acúmulo do material descartado de forma indevida favorece o aparecimento de ratos, animais peçonhentos e a proliferação do mosquito transmissor da dengue.

De acordo com o secretário da pasta, uma demonstração da falta de consciência de uma parcela dos moradores de Luís Eduardo Magalhães. “Não conseguimos entender porque as pessoas insistem nessa prática. Temos um sistema de coleta de lixo eficiente que abrange todos os bairros da cidade. Estamos atentos e iremos identificar e adotar as providências legais para impedir que as pessoas continuem agindo dessa forma”, comentou Alcides Meira.

O secretário destacou ainda que muitos produtos que estão sendo jogados no local poderiam ser aproveitados pela Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Luís Eduardo Magalhães. A separação correta dos resíduos e a venda para empresas que reaproveitam o material, proporcionam renda para os 22 integrantes da RECICLALEM.

“A nossa equipe da reciclagem está pronta para atender toda a demanda do município. A separação e entrega desse material é a fonte de sustento de dezenas de famílias e a população precisa colaborar”, finalizou Alcides Meira.

Os interessados em repassar materiais recicláveis para a Associação de Catadores devem ligar para os números (77) 3628 6688 e (77) 3628 3800. O caminhão da coleta seletiva recolherá o material em domicílio.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação (ASCOM) Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães/BA

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

O trânsito é um ponto de encontro de diversos grupos, segmentos e indivíduos de uma sociedade e, por este motivo, o comportamento dos usuários envolvidos é tão importante. “Quem convive diariamente no trânsito, precisa empenhar-se para proporcionar um ambiente de qualidade e, mais do que exigir dos outros, deve comprometer-se a fazer a sua parte. Isso depende de uma ação pessoal e consciente”, diz Eliane Pietsak, pedagoga e especialista em trânsito.

A mudança de comportamento é uma ação primordial para a redução de acidentes. “Para reconhecer maus hábitos é necessário sempre fazer uma autocrítica. Alterar comportamentos errados significa vencer as resistências internas”, explica Pietsak. Para a especialista, o condutor deve questionar continuamente suas ações no trânsito. “É importante saber verificar o próprio desempenho em cada nova situação e corrigir a atitude, quando necessário”, avalia.

Alguns valores são fundamentais para que os cidadãos sejam competentes em seus relacionamentos interpessoais. Essas características podem ser desenvolvidas e aprimoradas e como consequência o condutor consegue manter a calma no trânsito evitando brigas, discussões e até acidentes.

Flexibilidade
As pessoas têm interesses distintos. É preciso “jogo de cintura” para evitar conflitos e buscar soluções criativas para problemas criados pelos relacionamentos. Além disso, as pessoas mais flexíveis têm melhor capacidade de adaptação quando expostas a diferentes situações ou ambientes.

Bom senso e sabedoria
Qualquer situação ou problema tem mais de uma maneira de ser interpretado ou resolvido. O controle das situações está sempre na mão de quem age com bom senso e ponderação.

Respeito
Por ser um dos valores mais importantes, o respeito é a viga mestra dos relacionamentos. É importante respeitar os outros, as diferenças individuais e a diversidade de opiniões.

Educação
Cultivar as boas maneiras, saber o valor da civilidade, tratar bem as pessoas, ser gentil e cordial são atributos indispensáveis.

Equilíbrio
Controlar o próprio temperamento é fundamental para quem quer, deseja e necessita desenvolver uma boa capacidade de se comunicar e negociar.

Paciência
As pessoas pacientes não precisam resolver tudo na hora, não são afobadas, nem tiram conclusões precipitadas.

Humildade
Reconhecer os próprios erros, com humildade e simplicidade tema propriedade de dissolver os desentendimentos na raiz. Entretanto, nos relacionamentos, poucos são aqueles que reconhecem os erros.

Colocando em prática as dicas sugeridas, o ambiente do trânsito se tornará menos agressivo e o condutor pode, dessa forma, evitar situações de risco para ele e para os demais.

Fonte: Detran-BA

A comunidade de Barrocas, a 20 km da sede de Barreiras, foi palco de uma nova ação do Projeto de Recuperação de Nascentes, resultado da parceria entre a Prefeitura por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo, agricultores, através da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) e Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba). O projeto conta ainda com a participação dos moradores das comunidades envolvidas, e, agora também o 4º Batalhão de Engenharia e Construção (4º BEC). O vereador Otoniel Teixeira acompanhou a ação participando de todas as atividades.

Durante a quinta-feira (9) e a sexta-feira (10), as equipes da Secretaria e parceiros estiveram na Barrocas realizando o isolamento da nascente com cercamento de aproximadamente 10.000m² de área com utilização de madeira de reflorestamento tratada, abertura de aceiros, que são o desbaste de vegetação em torno da nascente para evitar incêndios florestais, bem como, a prática de educação ambiental.

“Esse projeto tem como objetivo proteger e recuperar nascentes, aumentar a produção de água e diminuir os impactos nas épocas de secas prolongadas. O resultado esperado é a contribuição na conservação dos recursos hídricos, com a garantia de água em quantidade e qualidade para o abastecimento dos rios e da população”, explica o secretário de Meio Ambiente e Turismo Demósthenes Júnior.

O Programa de Recuperação de Nascentes integra o programa macro, Barreiras Cidade Verde e Sustentável, da Prefeitura de Barreiras que prevê o desenvolvimento de ações de preservação, conservação e recuperação ambiental por meio de iniciativas voltadas a qualidade de vida, bem estar e conforto da população. O trabalho é ininterrupto e de acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Turismo, ainda neste mês de maio, estão previstas as recuperações de outras duas nascentes no Município.

Para o engenheiro agrônomo da secretaria, Henrique Aragão, que acompanha o trabalho desenvolvido pelas equipes, a ação traz tanto benefícios ambientais, quanto econômicos. “A restauração destas áreas busca proporcionar o equilíbrio do ecossistema e a conservação dos recursos hídricos quantitativa e qualitativamente, beneficiando diretamente os proprietários de imóveis rurais ao terem nascentes em sua propriedade recuperadas sem nenhum custo.”

Fonte: Dircom/PMB

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio
  Curta nossa página
  PUBLICIDADE

| Todos os Direitos Reservados |