Blog Santo Antônio
Notícias

Fonte: Grupo Santo Antonio


Festival LEM Gastronomia acontece entre os dias 05 e 07 de agosto no Sindicato Rural
 
A terceira edição do Festival LEM Gastronomia que acontece entre os dias 05 e 07 de agosto no Sindicato Rural de Luís Eduardo Magalhães chega com a meta de utilizar 100% de ingredientes regionais no preparo dos pratos que serão produzidos ao longo dos três dias de evento. Este ano o festival terá como tema o “Brasil Bem Temperado” e contará com a participação de mais de 40 profissionais, entre chefs e oficineiros que vão conduzir cerca de 60 atividades gratuitas.

Na programação do III Festival LEM Gastronomia estão previstas aulas-show ministradas por convidados, chefs e profissionais da área, além de oficinas gastronômicas e rodas de conversas temáticas abertas ao público, sempre com acesso gratuito. O Festival também vai manter dois espaços das edições anteriores: a Cozinha do Interior e o Acampamento Gaúcho.

Oito mil pessoas, entre estudantes, profissionais da área, moradores da região oeste e profissionais dos vários segmentos da cadeia produtiva da alimentação, são esperadas para os três dias de evento. O LEM Gastronomia vai contar com chefs dos estados de Sergipe, Pernambuco, Tocantins, Amazonas, além de vários municípios da Bahia, como Ilhéus, Itacaré, Barreiras, Salvador e também do próprio município, Luís Eduardo Magalhães.

Uma feira expositiva de produtos alimentícios e de equipamentos para bares, restaurantes e hotéis, também funcionará durante o evento, bem como a já conhecida feira de produtos da agricultura familiar e da rede de economia solidária. O estival também contará com apresentações de grupos culturais nativistas gaúchos e nordestinos, uma área de lazer infantil e um palco de shows para os artistas da região oeste.

O evento é uma realização da Escola de Gastronomia Rosa Gonçalves, com apoio da Prefeitura Municipal de Luís Eduardo Magalhães, da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Luís Eduardo Magalhães (Agrolem); do Crea-Bahia; do Sindicato dos Produtores Rurais de LEM e do Governo da Bahia através da Superintendência de Economia Solidária da Setre.

Fonte: Ascom Prefeitura de LEM

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Com duas medalhas de prata e três de bronze na premiação nacional e cinco ouros, cinco pratas e quatro bronzes na premiação regional, Luís Eduardo Magalhães foi o principal destaque da entrega da premiação da 11ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), realizada na manhã desta quinta-feira, 28, no auditório do Serviço de Aprendizagem Rural (SENAR).

 A professora Ivone Pedroza, coordenadora regional da OBMEP parabenizou o município pela conquista. “Luís Eduardo Magalhães é o município com melhor desempenho na Olímpiada em todo oeste, conquistando a maioria dos prêmios, tanto a nível nacional quanto regional. Nas palestras que faço pela região faço questão de citar o bom exemplo do município para estimular os alunos e professores da região”, comentou.
 
A OBMEP é uma realização do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) que tem por objetivo estimular o estudo da matemática e revelar talentos na área. Além das medalhas de prata e bronze, 33 estudantes de oito escolas da rede municipal de ensino receberam menção honrosa pelo resultado obtido na olímpiada.
 
 
Para a professora Janice Pamplona representante do município de Barreiras na cerimônia, Luís Eduardo Magalhães deve servir de exemplo para os demais municípios da região. De toda região, somente dois estudantes de outros municípios foram premiados, uma medalha de prata para Barreiras no nacional e um bronze para Baianópolis no regional.
Os bons resultados obtidos na 11ª OBMEP, segundo o prefeito Humberto Santa Cruz, são motivo de orgulho. “Estamos muito orgulhos com todos que conquistaram medalhas e menções honrosas. Isso tudo é fruto de muito trabalho, das escolas, professores e dedicação dos alunos e pais, que entenderam a importância da olímpiada para a formação desses estudantes”, pontuou.
 
Melhores notas - Os estudantes Luiza Moura Sá Teles e Gervásio Ferreira Alves Filho, ambos da Escola Municipal José Cardoso de Lima conquistaram medalhas de prata na OBMEP, ficando entre as doze melhores notas da Bahia e entre os cem melhores do Brasil entre alunos de 8º e 9º anos. As três medalhas de bronze foram conquistadas pelos estudantes Marcelo Henrique Martini, Nicole Beatriz Laurinho e Henrique Cardoso Gomes, também da Escola José Cardoso de Lima.
 
As escolas que ganharam menções honrosas foram: Escola Municipal Onero Costa da Rosa, Ângelo Bosa, São Paulo, Ivo Hering, Fábio Johner, Ottomar Schwengber, Cezer Pelissari e José Cardoso de Lima. A premiação também homenageará professores e escolas de escolas de Luís Eduardo Magalhães, Barreiras e Baianópolis.
 
Presenças – Também prestigiaram a cerimônia a secretária de Educação de Luís Eduardo Magalhães, Marli Cenci; Trabalho e Assistência Social, Maira de Andrada Santa Cruz; Saúde, Fernanda Fischer; Cultura e Turismo, Jacyra Gomes Neto; Ciência, Tecnologia e Inovação, Marçal Tsukamoto; os vereadores Zezé da Farmácia e Deusdete Petronilo; o presidente do Sindicato dos Professores de Luís Eduardo Magalhães (SINSERPLEM), Alcindo Kunz, alunos, professores e diretores das escolas premiadas.
Fonte: Ascom Prefeitura de LEM
Quando a cerimonialista Jô Castro deu início à cerimônia de abertura da terceira edição do MMAD - Mostra de Moda, Arte e Design a emoção foi grande, mas o trabalho estava somente começando. Poucas pessoas que participam da mostra sabem do longo tempo e esforço investidos para que ela seja realizada. Para o MMAD acontecer são necessários seis meses de planejamento, contatos, organização e captação de recursos. E acreditar verdadeiramente na transformação cultural que LEM pode vivenciar ao apoiar eventos como esse é fundamental. Na reta final, os derradeiros 30 dias antes do MMAD, as noites insones e o trabalho intenso chegam ao seu ápice. São tantos detalhes e tantas pessoas envolvidas que não teria como ser diferente.
 
Nesta edição, somente de profissionais envolvidos diretamente com as palestras, oficinas, shows, desfiles, exposições artísticas e apresentações culturais foram mais de 100. Na equipe de apoiadores, patrocinadores e produção, soma-se mais 80. Tudo isso coordenado pela dupla Dávila Kess e Mônica Zanotto, da Agência Immagine, idealizadoras e realizadoras do MMAD. Tanta entrega, paixão e comprometimento com o evento tiveram sua recompensa: o MMAD entrou, oficialmente, para o calendário cultural da cidade, segundo a chefe de gabinete Rosa Stahlke, que representou o prefeito Humberto Santa Cruz na abertura oficial do evento. Além de Rosa, participaram da abertura também Carlos Koch e Marli Cenci, nomeados padrinhos do MMAD pela sua contribuição inestimável e apoio irrestrito ao projeto desde quando ele era só uma ideia; Rafael D’Agostini, representando a presidente do Sindicato Rural, Carminha Missio; e o presidente da Associação dos Jovens Empreendedores de LEM, Elio Ramom Souza. Todos peças-chaves para que esta edição acontecesse.
 
 
 
Iniciando como um projeto independente, em três anos o MMAD cresceu e se consolidou como o maior evento multicultural de Luís Eduardo Magalhães. E isso só foi possível pela contribuição e confiança de todos os parceiros dessas três primeiras edições. "O MMAD é a primeira mostra de moda, arte e design da região oeste da Bahia, com o objetivo de se tornar um ponto de encontro entre criativos e público, fomentando a cultura local e ajudando a criar a identidade cultural da nossa cidade", afirmaram as realizadoras. Mais de 1500 visitantes adquiriram novos conhecimentos com profissionais de diversas áreas, apreciaram o talento dos artistas das exposições de artes e fotografia e aproveitaram o local para trocar ideias e experiências. “Gostaria de agradecer pela oportunidade de fazer parte desse evento maravilhoso, cheio de muita criatividade, determinação e resultado positivo. Muito obrigado por me proporcionar um momento único, com aquela palestra de abertura fantástica! E, ainda afirmo, saí do MMAD outra pessoa após o carinho que recebi das crianças na minha oficina. Foi um momento único que só o MMAD nos permite viver", agradeceu Juliana Galvão, que ministrou uma oficina gastronômica kids na manhã de sábado.
 
Não poderíamos deixar de citar a participação especial da convidada Alyssa Hopp, que encantou mais de 250 pessoas na noite de abertura com a palestra Mídias Digitais, Criatividade e Inovação: Como se Destacar no Meio da Multidão. O fashion show, que reuniu cinco lojas luiseduardenses e lançou a D.Kess, marca de camisetas da multiprofissional e também estilista Dávila Kess, arrancou aplausos do público pela sua irreverência, informação de moda e beleza. Desfilou na passarela do MMAD uma moda completa e realista, que foi do infantil ao plus size (que levou a plateia ao delírio) e dos pijamas divertidos aos vestidos de noivas. 
 
O tema desta edição, "Economia Criativa, Transformação Coletiva", esteve presente em cada momento da programação, seja nas mesas redondas com temas como arquitetura em tempos de crise ou marketing nas mídias sociais, seja nas oficinas onde as pessoas puderam aprender uma nova profissão ou intensificar seus conhecimentos na sua área, ou seja, ainda, nos expositores e apoiadores do evento que apostaram no conceito básico do MMAD: negócios e relacionamento. "Gostei muito dos resultados alcançados no MMAD. O evento nos abriu portas para um novo público e as mesas redondas foram muito enriquecedoras, ampliando a visão de trabalho da nossa equipe", afirmou Liliam Baumgartner, da Racco Cosméticos. "Eu adorei participar do MMAD e já confirmei minha presença na próxima edição! Além de vender praticamente todos os bolos que levei, o evento serviu para divulgar meu produto e minha marca e fazer muitos contatos. Contem comigo sempre nesse evento maravilhoso", reforçou Q'Le Silva, da Sra. Bolo, os tradicionais bolos de rolo de Pernambuco.
 
 
Luís Eduardo Magalhães é uma cidade onde as pessoas que vivem aqui vieram de várias culturas e esse evento é uma possibilidade dos luiseduardenses criarem a sua própria identidade cultural. É um pontapé inicial que une vários universos culturais em uma ambiente totalmente pensado para integrar pessoas, ideias e empresas. "Por ter visto o MMAD nascer, tendo participado das duas edições anteriores, é muito bom ver o quanto o evento cresceu. Toda essa transformação fez do MMAD um evento consolidado culturalmente e uma opção para todos gostos e estilos. Em nome de todos que fazem e praticam arte na cidade, só tenho a agradecer e torcer para que ele se fortaleça cada vez mais", ponderou Anton Roos, que já é parte integrante do MMAD e cuja presença não pode faltar.
 
“Temos certeza que cada pessoa que participa do MMAD sai transformada, com uma nova experiência ou uma nova ideia que surgiu em uma palestra ou oficina. A nossa maior alegria é saber que trazemos para a cidade um sopro de cultura. Hoje relembramos esses dois dias intensos através das fotos, recadinhos carinhosos e memórias do coração que gritam gratidão. Somos extremamente gratas e devotos de um legado que é o de acrescentar e somar, e não só pensar em conquistas individuais, mas em conquistas coletivas. E o ‪MMAD‬ é uma conquista de todos que amam cultura e, mesmo a passos lentos, chegaremos lá, sem pressa e com muito amor. Até o ano que vem!" finalizou Dávila Kess.
Fonte: Ascom Immagine

Entrega da chave de uma viatura para a 85ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM)

Autoridades visitaram as instalações do CCO

Aconteceu na manhã desta sexta-feira, 27, no pátio do Centro de Controle e Operações (CCO) de Luís Eduardo Magalhães, a entrega de uma viatura para a 85ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM). Participaram do ato o prefeito Humberto Santa Cruz e o Ten. PM Arlindo, representando a CIPM, além de secretários e membros da sociedade civil organizada.

Segundo o Ten. PM Arlindo a nova viatura representa a renovação da frota atual da 85ª CIPM e contou com empenho do Poder Executivo para que fosse possível. O prefeito Humberto Santa Cruz destacou o pedido feito ao Governo do Estado de 20 novos policiais e duas viaturas. “Todos sabemos o quão importante e necessário é o aumento do efetivo policial e renovação da frota da PM”, observou.

Logo após a entrega da chave, o prefeito Humberto Santa Cruz, juntamente do Ten. PM Arlindo e demais autoridades visitaram as instalações do CCO.

Fonte: Ascom Prefeitura de LEM
 
O secretário de Agricultura de Luís Eduardo Magalhães, Jeonásio Carvalho, inspecionou na manhã da última terça-feira, 26, a conclusão das obras de dois poços artesianos localizados no Assentamento Rio de Ondas, zona rural do município.
 
A obra executada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) estava parada acerca de um ano e meio, prejudicando a agricultura familiar da comunidade. “O empenho do Governo Municipal fez com que a Companhia retomasse as obras dos poços artesianos que foram concluídos nesta segunda-feira. Essa obra resolverá parte do abastecimento de água do Assentamento Rio de Ondas”, disse o secretário.
 
 
 
Ainda segundo o titular da pasta de Agricultura no município, mais dois poços artesianos serão construídos e outro já existente na comunidade será totalmente reformado até o final deste ano através de recursos da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (CERB), totalizando cinco novos poços para a melhoria da qualidade de vida e o fortalecimento da agricultura familiar na região.
Fonte: Ascom Prefeitura de LEM

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: AMELEM

Fonte: Grupo Santo Antonio

Um grupo de pesquisadores do São João do Rio Preto (SP) e do Mato Grosso afirmam ter desenvolvido um composto que conseguiu inibir o vírus da zika, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti. O trabalho, elaborado em seis meses de testes, resultou na descoberta de um composto natural encontrado no chá verde, o epigalo catequina galato. Os cientistas isolaram o zika vírus e aplicaram o composto que inibiu a entrada do vírus na célula.

“É um avanço importante, pioneiro porque é o primeiro resultado mundial em relação ao inibidor. Publicamos em uma revista cientifica e podemos provar que há um inibidor sim ao vírus da zika”, explica a virologista Paula Rahal, em entrevista a TV TEM.

Já havia sido identificada eficácia do composto do chá verde sobre vírus como o HIV e o da hepatite C. Na próxima fase, os pesquisadores querem verificar a eficácia do composto em animais ainda neste ano. “Quanto mais rápido a descoberta melhor para que seja lançado no mercado um possível medicamento”, diz a virologista. O estudo foi elaborado em parceria entre a Unesp de Rio Preto, a Famerp (Faculdade de Medicina de Rio Preto) e a Universidade Federal de Mato Grosso. Os resultados foram publicados na revista científica internacional Virology.

Fonte: Bahia Saúde

Fonte: Grupo Santo Antonio

Representantes do Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães (SPRLEM) participaram na última quinta-feira, 21, em Salvador, de uma audiência com o secretário estadual de Meio Ambiente, Eugênio Spengler. O objetivo da reunião foi expor as dificuldades enfrentadas pelos produtores rurais do oeste baiano com o impasse na questão do licenciamento ambiental, bem como buscar uma solução para o problema, a fim de não inviabilizar a atividade agrícola.

O impasse teve início em 2015, quando o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) passou a exigir, em suas fiscalizações, a apresentação da licença ambiental para as atividades de agricultura em sequeiro e irrigada, em áreas que já possuíam as respectivas cartas de inexigibilidade de licença, expedidas pelo órgão ambiental estadual, o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema).

Em vista desta situação, a Confederação Nacional da Agricultura (CNA) - órgão máximo do sistema representativo agropecuário do qual o Sindicato é integrante -, procedeu questionamento junto à Procuradoria do Ministério de Meio Ambiente por meio da Advocacia Geral da União, vindo a obter parecer no sentido de que a autarquia federal deveria respeitar a legislação ambiental do Estado da Bahia. Ocorre que o respectivo entendimento foi objeto de Ação Civil Pública promovida pelo Ministério Público da União, obtendo decisão em caráter liminar, que o desvincula de tal entendimento. E, por fim, recentemente o novo Ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, expediu ato suspendendo os efeitos do referido parecer pelo prazo de 60 dias.

 Conforme explica a presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães, Carminha Missio, essa situação impôs aos produtores rurais, um impasse e uma dificuldade. “Dessa forma, os agricultores estão sendo forçados a cumprir uma obrigação juridicamente impossível, qual seja, apresentar licença ambiental enquanto o órgão ambiental estadual, responsável por licenciar, expede-se o ato administrativo denominado de inexigibilidade de licenciamento ambiental”, disse a presidente.

Em resposta à solicitação do Sindicato, o secretário estadual de Meio Ambiente, Eugênio Spengler, comprometeu-se em estudar uma solução para o problema relatado, a fim de oferecer mais segurança ao meio agropecuário na questão ambiental e assegurar a continuidade da atividade agrícola na região. O Sindicato esteve representado também pelos membros do conselho fiscal, Cícero Teixeira e Irineu Viccini, pelo conselheiro jurídico, Régis Ferreira, pelo gerente administrativo, Ronei Pereira e pelo produtor rural, Osvaldo Peteck.   

Fonte: Ascom Sindicato Rural de LEM

O III Festival LEM Gastronomia entrou oficialmente em contagem regressiva. Restando uma semana para o início do festival, cresce a expectativa em torno da maior celebração da gastronomia de raiz e diversidade cultural de Luís Eduardo Magalhães e região oeste da Bahia. Este ano o festival terá como tema o “Brasil Bem Temperado” e mais de 40 (quarenta) profissionais, entre chefs e oficineiros que vão conduzir cerca de 60 (sessenta) atividades completamente gratuitas para quem for ao evento.

A abertura do festival está marcada para as 18h da sexta-feira, 05 de agosto. A programação continua no sábado, 06, e domingo, 07, no espaço do Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães. Uma das novidades é que este ano, juntamente com o Festival acontecerá o “I Encontro dos Engenheiros Agrônomos do MATOPIBA” (sigla da fronteira agrícola dos estados de Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) que reunirá cerca de 500 profissionais nos dias 04 e 05 de agosto no auditório do SENAR, que fica na mesma área do Sindicato Rural.

Ao todo o III Festival LEM Gastronomia contará com cerca de 14 chefes e 23 oficineiros. “Temos chefs convidados de Salvador, Tocantins, Amazônia e Sergipe”, conta a chef Rosa Gonçalves, organizadora do festival. A organização conta ainda com aproximadamente 60 pessoas, integrantes da Escola de Culinária Rosa Gonçalves, Live Produções, Uaumais e colaboradores de diversas secretarias da prefeitura, dentre outros.

A programação dos três dias tem tudo para agradar a todos os gostos. “Nos três dias teremos em atividade a cozinha do interior, onde são preparadas as tachadas em fogões de lenha, um auditório de aulas-show e três salas com oficinas gastronômicas. O domingo será dedicado as oficinas para crianças, onde elas colocarão a mão na massa. Teremos também preparações feitas para o público adulto”, continua a chef.

O LEM Gastronomia vai contar também com uma Feira Expositiva de produtos alimentícios e de equipamentos para bares, restaurantes e hotéis, além da Feira de Produtos da Agricultura Familiar e da rede de Economia Solidária. Contará ainda com apresentações de grupos culturais nativistas gaúchos e nordestinos, terá uma área de lazer infantil e um palco de shows para os artistas da região oeste.

Este ano, o Festival consolida a parceria com as associações locais de Produtores da Agricultura Familiar, com a Associação Caliandra de Artesãos, a Anibralem que congrega os descendentes de japoneses, a Associação Santaritense de Artesãs (ASAS), a Associação Pró-Cultura de Formosa do Rio Preto e o CTG (Centro de Tradições Gaúchas) Sinuelo dos Gerais.

O evento é uma realização da Escola de Gastronomia Rosa Gonçalves, com apoio da Prefeitura Municipal de Luís Eduardo Magalhães, da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Luís Eduardo Magalhães (Agrolem); do Crea-Bahia; do Sindicato dos Produtores Rurais de LEM e do Governo da Bahia através da Superintendência de Economia Solidária da Setre.

Mais informações e programação completa no site: http://www.festivallemgastronomia.com.br/

Fonte: Ascom Prefeitura de LEM

Nos dias 11, 12 e 13 de agosto acontece em Luís Eduardo Magalhães, no Sindicato Rural, o 4º Congresso Educ AÇÃO com o tema “Gestão, Ética e Desenvolvimento Sustentável em uma Sociedade em Transição“. Realizado pelo Gacea, o congresso traz para LEM palestrantes renomados de todo o Brasil, com temas que vão desde ética e educação até direito e agrononegócio. O Educ AÇÃO tem como objetivo ampliar o conhecimento através de palestras com excelentes profissionais de várias áreas para acadêmicos, professores, pesquisadores, empresários e profissionais.

Confira abaixo a relação completa dos palestrantes e palestras confirmados no Congresso e aproveite o desconto promocional para inscrever-se até dia 30 de julho. É possível adquirir o pacote para os três dias ou um dia de congresso e, ainda, inscrever-se em palestras avulsas.
 
ZITA LAGO
 
Graduada em Filosofia, Mestre e Doutora em Educação. Autora de 13 títulos na área educacional.
 

Palestra: A Ética E Os Valores: A Quem Cabe Construí-Los?

“Cabe questionar a quem cabe construir e disseminar valores inclusivos, humanos e éticos? Tal questionamento levanta questões complexas e que exigem de todos os que se educam em comum ação posições firmes e claras, com vistas a situar os homens frente às adversidades de um mundo em transição, visando torná-los mais humanos, éticos e solidários”.
 
RENATO CASAGRANDE
 
Palestrante, Professor Universitário, Mestre em Administração, Especialista em Gestão Educacional, Gestão de Negócios e Gestão de Recursos Humanos.
 
Palestra: Reflexões, Estratégias e Ações para Profissionais Contemporâneos “Fazer e Acontecer”
 

“Nesse mundo complexo e volátil as soluções simples tornaram-se suspeitas. As novas exigências demandam novas competências, novos comportamentos e novas atitudes. Serão discutidas estratégias e ações para que os profissionais obtenham melhores resultados”.

ELIAS MATTAR ASSAD
 
Advogado atuante na área criminal. Membro da Academia Brasileira de Direito Criminal e Presidente eleito da Associação Brasileira de Advogados Criminalistas.
 
Palestra: Os Desafios da Formação e do Início da Profissão de Advogado
 
“ Início de carreira e seus desafios”.
 
JÚLIO FURTADO
 
Pedagogo, Psicólogo, Mestre em Educação, Doutor em Ciências da Educação, idealizador do Canal Sala dos Professores. Autor de vários livros.
 
Palestra: A Construção de Vínculos na Sala de Aula
 
“O olhar inclusivo. Os componentes do “amor pedagógico”. Vínculos e alteridade. Aprendizagem e interação social. A mediação relacional na sala de aula. Como criar vínculos com as gerações Y e Z”.
 
Palestra: Avaliando o Desenvolvimento de Competências em Sala de Aula
 
“O sentido de desenvolver competências. Ensinar conteúdos X desenvolver competências. Competências docentes e competências discentes. A especificidade da avalição de competências. Desdobrando competências e evidências”.
 
EUGÊNIO STEFANELLO
 
Engenheiro Agrônomo, Mestre em Economia Rural, Doutor em Engenharia de Produção. Ex-Secretário de Estado da Agricultura/PR e ex-presidente da CONAB. Apresentador do Negócios da Terra no SBT/PR.
 
Palestra: Panorama da Economia Mundial e Brasileira e do Agronegócio
 
“Panorama da economia mundial e brasileira e do agronegócio. Situação e perspectivas do PIB e do comércio mundial para 2016 e 2017. Política fiscal, monetária e de crédito e cambial e comercial: instrumentos, indicadores e perspectivas para 2016 e 2017. Perspectivas de desempenho da oferta e demanda agregada e da inflação para 2016 e 2017. O agronegócio brasileiro: trajetória, desempenho do Valor Bruto da Produção e das exportações. Os mercados da soja e do milho para 2016/17”.
 
JUCILEIDE FERREIRA LEITÃO
 
Contabilista, Bacharel em Direito Especialista em Auditoria e Controladoria, Presidente da Academia Norte-Rio-Grandense de Ciências Contábeis, Membro Efetivo da Academia Brasileira de Ciências Contábeis.
 
Palestra: Liderança e Empreendedorismo: Gerencie sua Marca.
 
“Trabalhar a integração do profissional e acadêmico contábil com a sociedade. Despertar o espírito de liderança de cada indivíduo no mundo contemporâneo. Pensar o desempenho das atividades contábeis num mundo sem fronteiras. Gerenciar o planejamento da carreira profissional associada à sua marca”.
 
HENRY NONAKA
 
Professor Universitário, Mestre em Administração, Consultor de Empresas, Coordenador de Pesquisas de Marketing.
 
Palestra: Ferramentas Para Persuasão
 
"Como convencer as pessoas de algo? Como influenciar as pessoas a fazerem determinadas coisas? Através da capacidade de persuasão você poderá desenvolver habilidades que poderão torná-lo um profissional mais convincente. Conheça ferramentas importantes relacionadas à persuasão."
 
 FRANCISCO PEREIRA DA SILVA
Doutor em Inteligência Competitiva, Mestre em Gestão de Negócios, Especialista em Administração Mercadológica.
 
Palestra: Gestão Pública de Resultados com foco em Gestão, Ética e Educação Profissional
 
“Fazer o Gestor Público pensar e compreender que a Gestão Pública só será integrada, sistêmica e estratégica quando todos os envolvidos no processo incluam novos valores pessoais e organizacionais, assim como, competências e habilidades na resolução de problemas e na elevação dos padrões de eficiência, eficácia e efetividade, estruturando a Gestão Pública de Resultados.”
VERA ROESLER
 
Psicóloga, Mestre em Educação, Doutoranda em Psicologia, Mestre em Sociologia Clínica e Psicossociologia. Especialista em Orientação Profissional e de Carreira.
Palestra: Do solitário ao solidário: saúde psicossocial no trabalho

“Caça ao ‘tempo perdido’ ou ao ‘tempo morto’ na jornada de trabalho, metas inatingíveis, cultura da alta performance e dos resultados a qualquer custo. A sociabilidade é comprometida e o trabalhador, instado a fazer cada vez mais, absorve a culpa por não corresponder ao padrão de excelência. Como viver nesse cenário ambíguo e paradoxal, mantendo as condições de saúde? E na vida fora do trabalho, quais são os comprometimentos? ”

Palestra: Riscos psicossociais no trabalho: diagnósticos e intervenção

“Vivemos uma espécie de “aceleração”, fadiga e sensação de fracasso por não conseguirmos cumprir nos prazos e quantidades estabelecidas, todas as obrigações que pesam sobre nossas costas. De que maneira podemos compreender a dinâmica estabelecida no gerenciamento das pessoas nas organizações/instituições contemporâneas? E, após o diagnóstico, como intervir para que as relações no ambiente de trabalho deixem de ser patológicas?”

INSCRIÇÕES
As inscrições podem ser parceladas no cartão e as vagas são limitadas.
 
É possível se inscrever pelo site www.gacea.com.br ou procurar o polo do GACEA/UNOPAR em LEM, pelos telefones (77) 9 9817.2416 / 3628-5370 ou o polo da UNOPAR BARREIRAS II – COOPEB, pelos telefones (77) 99822-2160 / (77) 3613-6484.
Fonte: Ascom Immagine

Fonte: Grupo Santo Antonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

O objetivo do curso é o fortalecimento da atividade de piscicultura em Luís Eduardo Magalhães

A Secretaria Municipal de Agricultura em parceria com o Sindicato Rural de Luís Eduardo Magalhães e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), está realizando o curso “Fundamentos de piscicultura e sistemas de produção de peixes” para agricultores familiares do município.

O curso ministrado pelo tecnólogo em agronegócio e especialista em piscicultura, Ricardo Brito Santana Dutra, tem como objetivo o fortalecimento da atividade de piscicultura em Luís Eduardo Magalhães.
Cerca de 50 agricultores familiares estão participando do curso que foi divido em três turmas, sendo dois cursos realizados no Centro de Eventos da Vila II no Assentamento Rio de Ondas, zona rural do município e um no Sindicato Rural.
O curso é gratuito, tem duração de três dias e aborda temas como os princípios de criação de peixe, custo de operação e produção, qualidade do produto, segurança ambiental, responsabilidade social, cadeia produtiva de piscicultura, planejamento do empreendimento, dimensões e construção dos tanques, consumo e reaproveitamento de água, tipo de ração e cálculo de ração e quantidade de peixes por tanque, escolha das espécies, comercialização do produto, entre outros.
O secretário de Agricultura, Jeonásio de Carvalho, lembrou que a ideia de trazer esse curso para os pequenos agricultores veio depois que o município adquiriu no mês de março uma máquina retroescavadeira para a abertura de novos tanques de peixes e consequentemente o fomento da piscicultura na região.
Fonte: Ascom Prefeitura de LEM

Os alunos premiados na 11ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBEMEP) recebem na manhã desta quinta-feira, 28, a partir das 8h30, no auditório do Serviço de Aprendizagem Rural (SENAR) as medalhas e menções honrosas do concurso realizado no ano de 2015.

A OBEMEP é uma realização do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) que tem por objetivo estimular o estudo da matemática e revelar talentos na área. O município de Luís Eduardo Magalhães receberá duas medalhas de prata e três de bronze, em nível nacional e cinco ouros, cinco pratas e quatro bronzes em nível regional, além de menções honrosas para oito escolas da rede municipal de ensino.

Os estudantes Luiza Moura Sá Teles e Gervásio Ferreira Alves Filho, ambos da Escola Municipal José Cardoso de Lima conquistaram medalhas de prata na OBEMEP, ficando entre as doze melhores notas da Bahia e entre os cem melhores do Brasil entre alunos de 8º e 9º anos. As três medalhas de bronze foram conquistadas pelos estudantes Marcelo Henrique Martini, Nicole Beatriz Laurinho e Henrique Cardoso Gomes, também da Escola José Cardoso de Lima.

As escolas que ganharam menções honrosas foram: Escola Municipal Onero Costa da Rosa, Ângelo Bosa, São Paulo, Ivo Hering, Fábio Johner, Ottomar Schwengber, Cezer Pelissari e José Cardoso de Lima. A premiação também homenageará professores e escolas de escolas de Luís Eduardo Magalhães, Barreiras e Baianópolis.

Fonte: Ascom Prefeitura de LEM
  Curta nossa página
  PUBLICIDADE

| Todos os Direitos Reservados |