Blog Santo Antônio
Notícias
Uma adolescente de 14 anos foi apreendida na noite desta segunda-feira (4) em Barra Grande, no município de Vera Cruz, enquanto transportava dois quilos de maconha.
 
Segundo agentes da Polícia Rodoviária Estadual, M. A., é de Salvador e levaria a droga, prensada no município de Itaparica, para um traficante na cidade de Salinas das Margaridas.
Fonte: Bocão News

A Polícia Civil da Bahia anunciou, nesta segunda-feira (4), que bloqueios de celulares roubados ou furtados podem ser feitos pelas vítimas dos crimes em qualquer delegacia.

A ação faz parte de nova medida implantada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) no dia 8 de março, com objetivo de combater os tipos de crime.

Antes, os usuários só conseguiam bloquear celulares junto às operadoras, indicando o número do IMEI (International Mobile Equipment Identity, na sigla em inglês), espécie de RG desses aparelhos. Desde 8 de março, usuários de todo o país que tiveram os celulares roubados ou furtados já puderam entrar em contato com as operadoras para pedir o bloqueio informando apenas o número da linha.

No caso do bloqueio na delegacia, o titular da linha só precisa ir até uma unidade policial, registrar a ocorrência e preencher um formulário solicitando o bloqueio. No caso de linhas habilitadas em nome de pessoas físicas, o titular deverá registrar a ocorrência de furto ou roubo em qualquer unidade policial e levar uma cópia do seu RG, CPF e comprovante de residência.

No caso de telefones habilitados em contas de pessoas jurídicas, o responsável deverá apresentar o cartão do CNPJ e um documento que o habilite como representante legal. Nos dois casos, o número do IMEI do aparelho é dispensável.

Desde dezembro do ano passado, a Polícia Civil da Bahia já realizava o bloqueio de aparelhos não vinculados a linhas telefônicas, ou seja, não habilitados, oriundos de roubos de cargas ou assaltos em lojas de varejo. Para o registro desse tipo de ocorrência, o autor da denúncia deve apresentar cópia do RG, CPF e comprovante de residência, um documento que o habilite como representante legal da empresa, cartão CNPJ e uma planilha com os números de IMEIs dos aparelhos roubados.

Todas as ocorrências registradas nas delegacias da Bahia sobre furtos e roubos de aparelhos serão encaminhadas ao Núcleo de Estações Móveis Impedidas (NEMI) que começou a funcionar, no dia 18 de dezembro, na sede do DCCP, na Piedade.

De acordo com o diretor do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) da Bahia, delegado Moisés Damasceno, estudo realizado pela polícia, a partir da observação dos números de registros de ocorrências envolvendo passageiros de ônibus, clientes em restaurantes e grandes varejistas, concluiu que o celular é utilizado como principal moeda de troca e motivador da maioria dos crimes patrimoniais.

Fonte: g1

A campanha de vacinação contra a gripe na Bahia ocorrerá no período de 30 de abril a 20 de maio, informou, nesta segunda-feira (4), a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). Segundo o órgão, até o momento não há previsão para antecipação da data de início da campanha, pois as vacinas fornecidas pelo Ministério da Saúde ainda não chegaram a Salvador. Somente nesse ano, a Bahia registrou 10 casos da doença com duas mortes. Em todo país, o número de mortes já chega a 71, segundo o Ministério da Saúde.

A campanha é voltada para crianças de seis meses a menores de 5 anos, idosos (a partir de 60 anos), trabalhadores da área da saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, presos e funcionários do sistema prisional.

Enquanto não chega a data de início da vacinação na rede pública, os pacientes encontram dificuldade para encontrar na rede particular doses de trivalente e tetravalente, que imunizam contra a gripe H1N1. Além disso, o remédio usado para tratar a gripe e casos suspeitos também está em falta nas farmácias.

Os preços médios das vacinas são R$ 90 da trivalente e R$ 130 a tetravalente. A tetravalente é uma vacina que oferece maior proteção, inclusive contra a Influenza B, que é outro tipo de gripe. Nas distribuidoras também está difícil conseguir as vacinas. "Nossos estoques acabaram zerando, mas estamos aguardando chegada da vacina ainda essa semana entre quarta e quinta-feira", destaca Katia Bulhões, enfermeira de um centro de vacinação particular da capital baiana.

Tharita Teixeira, gerente técnica de outro centro de vacinação particular diz que a situação não é diferente. "Nesse momento, a gente não tem vacina para vender. A partir de amanhã a gente vai fazer agendamento com pagamento prévio. Então o paciente já deixa a sua dose reservada e, quando a vacina chegar, a gente entre em contato e ele vem para que a gente possa fazer a administração", destaca.

Medicamentos
Outra preocupação é para quem já está com a doença. O único medicamento indicado para tratar o vírus, o Tamiflu, não está sendo encontrado nas farmácias. O remédio custa mais de R$ 200. De acordo com o Sindicato das Farmácias do Estado da Bahia, é um medicamento muito específico, que vende pouco e por isso é mais difícil de ser encontrado.

O infectologista Clausílson Bastos diz que os pacientes devem tomar o Tamiflu nos primeiros dias da doença ou o remédio não faz o mesmo efeito. "No momento em que a doença se desenvolve, se evolui, a situação fica mais grave e o medicamento surte menos efeito", destaca.

Os sintomas da gripe H1N1 são semelhantes aos causados pelos vírus de outras gripes. No entanto, requer cuidados especiais por parte da pessoa que apresentar febre alta, acima de 38º, 39º, dor muscular, dor de cabeça, de garganta e nas articulações, irritação nos olhos, tosse, coriza, cansaço e inapetência. Em alguns casos, também podem ocorrer vômitos e diarreia. Nesses casos, o indicado é procurar um médico.

Fonte: g1 BA

Prezados servidores,

Temos a honra de informar que foi encaminhada, para análise do Poder Executivo Municipal, a proposta para reformulação no Plano de Carreira, Cargos e Salários dos Servidores Públicos de Luís Eduardo Magalhães.

Resultado de acordo entre o Município e Entidade Sindical, elaborada com base nas discussões democráticas da pauta de reivindicações, sem perder de vista a responsabilidade com os compromissos financeiros assumidos e o controle para equilíbrio das contas públicas, a presente proposta atende a uma demanda histórica dos servidores públicos municipais e reafirma a diretriz da Gestão de valorização da categoria.

Os estudos para implantação do plano Observaram o Princípio da Valorização do Trabalho e Avanço Social, além dos dispositivos legais já existentes no município.

Em linhas gerais, buscou-se corrigir distorções históricas de vencimentos, simplificar e dar coerência no âmbito interno de cargos e remunerações, estabelecer a lógica da meritocracia no desenvolvimento das competências e remuneração por resultado.

O enquadramento aos novos níveis funcionais nos cargos comtemplados representarão ganhos para uma gama significativa de servidores, recompondo as perdas acumuladas, e corrigindo distorções que em muito prejudicam os ganhos nas respectivas carreiras. 

Nesse sentido seriam beneficiadas de forma direta as carreiras de Agente de Inspeção, Técnico Agrícola, Técnico em Enfermagem, Técnico em Contabilidade, Técnico em Meio Ambiente, Técnico em Informática, e dos Assistentes Administrativos, que mudam sua nomenclatura para Técnico Geral, sendo transferidas para Categorias Funcionais mais adequadas.

Buscou-se garantir além da valorização do tempo de serviço, todo patrimônio intelectual adquirido pelo servidor, que reverterá obviamente na melhor prestação do serviço público de qualidade. 

No que se refere à Progressão e Desenvolvimento Funcional, destaca-se o mérito e a qualificação profissional como requisitos para a passagem dos servidores aos níveis de vencimentos subsequentes, buscando sempre a garantia de reconhecimento e desenvolvimento de competências e dos resultados individuais e grupais que serão verificados através de um sistema de avaliação de desempenho que permite remuneração variável. Ademais passa a ser reconhecido, de forma mais incisiva, o esforço individual da escolarização, através da Gratificação por Incentivo ao Aperfeiçoamento, valorizando-se assim também o autodesenvolvimento do servidor.

Reforçamos que o critério do tempo de servidor, sempre associado ao desenvolvimento intelectual, foi considerado, sobretudo ao se estender a quantidade de referências na Progressão Horizontal, atribuindo-lhes um sentido de linearidade, dessa forma o servidor terá a oportunidade de crescimento, tanto pelo tempo quanto pelo mérito, em toda sua vida funcional ativa.

A presente proposta ainda visa consagrar e amalgamar direitos já reconhecidos pela Administração Pública ao longo de seu mandato, todos instituídos pela legislação municipal e/ou regulamentados via atos do Poder Executivo, valendo destacar o amparo às categorias de Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate às Endemias, contemplados pelo novo Plano de Carreira, Cargos e Salários, além da regulamentação legal de gratificações e ganhos já reconhecidos via decretos municipais.

Entendendo que o servidor público é parte fundamental para o funcionamento da cidade, esperamos do Gestor toda atenção e celeridade para com a análise da presente proposta, no que reforçamos nossos votos de mais alta estima.

Atenciosamente,
SINSERPLEM.

Fonte: SINSERPLEM


Os jovens tiveram a oportunidade de conhecer o Centro de Controle e Operações (CCO) de Luís Eduardo Magalhães

A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães e o Instituto de Inclusão Social e Desenvolvimento Cultural Recicla Gente, firmaram no último mês março, um convênio que proporcionará mais atividades educacionais, sociais e culturais para as 580 crianças e jovens da instituição. 

Fundando em 16 de junho 2007, o Instituto Recicla Gente localizado no bairro Florais Léa, tem o objetivo de promover o desenvolvimento humano, educacional, social e cultural através da capacitação profissional de jovens carentes, focando na inclusão social desses jovens e crianças na sociedade numa perspectiva de trabalho integrado com a comunidade, considerando cada pessoal como um agente de transformação social. 

Através do convênio, a Prefeitura proporcionará um maior suporte para as atividades desenvolvidas na instituição, através da disponibilização de profissionais da educação. Hoje, o instituto oferece aulas de inglês e português; cursos profissionalizantes como Informática Básica e Avançada e Auxiliar de RH; cursinhos de pré-vestibular e ENEM; além de muita cultura e esporte, com os projetos de percussão “Recicla Music”, dança Afro “Projeto Cor” e boxe “Nocauteando a Violência”. 


580 crianças e jovens são atendidos pelo Instituto Recicla Gente

Para o prefeito Humberto Santa Cruz é uma satisfação realizar esse convênio, marcando os 10 anos de fundação e credibilidade do instituto Recicla Gente no município. “Eu costumo dizer que o mais importante é ensinar a pescar e não dar o peixe. Através de iniciativas como essa, construiremos um futuro melhor para as nossas crianças e jovens de Luís Eduardo Magalhães”, comentou.

Participaram da celebração do convênio a fundadora do Instituto Recicla Gente, Adriana Santos da Mota, colaboradores e jovens da instituição; o secretário de Governo, Renato Faedo e o secretário de Saúde, Werther Brandão.   

Após a assinatura, os jovens tiveram a oportunidade de perguntar questões de curiosidade geral dos mesmos e acompanhados do secretário Werther Brandão, conheceram o Centro de Controle e Operações (CCO).  

Fonte: ASCOM, Prefeitura de LEM

A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães prorrogou até 29 de abril o prazo para pagamento com desconto de 20% do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Os boletos estão disponíveis nos pontos de atendimento do Departamento de Tributos, localizados no Centro Administrativo, na Avenida Barreiras, 825, Centro da cidade e no CCLEM, localizado no Bairro Santa Cruz. As pessoas que não residem no município podem solicitar que o boleto seja encaminhado por e-mail, através do telefone (77) 3628 9065.

Fonte: ASCOM, Prefeitura de LEM

A Secretaria de Saúde de Luís Eduardo Magalhães, através da Diretoria de Vigilância em Saúde, realizou na última sexta-feira, 1º, um treinamento com os profissionais leituristas da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), com o objetivo de desenvolver e promover novas ações para o combate ao mosquito Aedes Aegypti no município.

A ideia é que os funcionários da empresa de energia elétrica, que visitam quase que a totalidade dos domicílios todos os meses, também realizem orientações junto aos moradores para a eliminação de possíveis criadouros do mosquito.

O diretor de Vigilância em Saúde, José Ferreira Lima, apresentou a atual situação epidemiológica do município e ressaltou a importância da parceria. “Apenas com a mobilização de todos os segmentos da sociedade, incluindo nesse contexto a Administração Pública Municipal, as empresas, a sociedade civil organizada e os cidadãos, poderemos superar esse grave problema de saúde pública”, comentou.

O Supervisor Geral do Núcleo de Endemias, Florisval Teles, apresentou o programa “10 minutos contra a dengue”, criado pela Secretaria Municipal de Saúde aos profissionais da Coelba. “Com apenas 10 minutos por semana, cada família pode vistoriar sua própria residência, observando locais propícios para a proliferação do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, protegendo assim sua família e seus vizinhos”, pontuou Florisval.

A Secretaria Municipal de Saúde informa que os leituristas da Coelba estarão devidamente uniformizados durante a visita e ressalta a importância da colaboração da população em receber bem esses profissionais. Solicita também, que os moradores continuem tomando medidas para que não haja acúmulo de água parada em suas residências, mobilizando seus familiares e vizinhos. 

Fonte: ASCOM, Prefeitura de LEM

Fonte: Grupo Santo Antonio

Em três meses, a paulistana Janaína Ricci, de 40 anos, participou de um processo seletivo, foi contratada, vendeu tudo e deixou São Paulo rumo a Bali, na Indonésia. É lá que vive há três anos dando aulas para crianças na Green School, uma escola feita de bambu, em um espaço de 20 hectares, que atende alunos do mundo todo, com a proposta de criar cidadãos conscientes, preocupados com a natureza.

A Green School funciona com energia solar, possui plantações, criação de animais, e todo o espaço é uma extensão da sala de aula. Em 2012 foi eleita a escola mais verde do planeta, pela organização U.S. Green Building Council’s Center. Não possui divisões por paredes e portas e atualmente atende 370 alunos de 30 nacionalidades diferentes, incluindo brasileiros.

As aulas do jardim da infância são montadas a partir de temáticas que trabalham a criatividade, intelecto, movimento corporal e intrapessoal. Não há avaliações ou objetivos específicos. O importante, segundo Janaína, é fazer a criança vivenciar o espaço. E tudo é motivo para aprendizado, até quando um sapo aparece na sala de aula.

Apesar da Indonésia estar entre os mais requisitados destinos turísticos por conta de suas praias paradisíacas, o país está longe de exibir a mesma riqueza. O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 2014 é de 0,684, o que o coloca em 110ª lugar no ranking mundial. 

O IDH é medido anualmente pela Organização das Nações Unidas (ONU) com base em indicadores de renda, saúde e educação. O índice varia em uma escala de 0 a 1. Quanto mais próximo de 1, mais elevado é o IDH. O Brasil está em 75º lugar com 0,755 de IDH. O melhor índice foi registrado na Noruega, com 0,944.

Não é difícil entender porque só 10% dos alunos da Green School são da Indonésia. Estudar lá custa caro. A mensalidade é de cerca de 1 mil dólares, o equivalente a cerca de R$ 4 mil. Os alunos indonésios são mantidos com bolsas de estudo.

Apesar disso, a escola busca integração com a comunidade local. Vire e mexe os alunos saem para fazer mergulhos, ajudar na colheita de arroz ou reforçar a mão de obra na construção da casa de uma família que perdeu tudo na chuva, segundo relato dos professores brasileiros.

Fonte: g1

No último dia 31 de março a Subseção de Barreiras da Ordem dos Advogados do Brasil realizou em seu auditório uma palestra sobre o combate à corrupção.

Na abertura do evento a Drª Lilian Castro de Oliveira, presidente da Comissão da Mulher Advogada da OAB Subseção Barreiras, que organizou o evento, ressaltou que a palestra é a primeira de uma série de cursos que serão realizados este ano, em conformidade com o Plano Nacional de Valorização da Mulher Advogada que entre as suas diretrizes elenca o fomento à educação jurídica.

Para um auditório lotado, o palestrante, Dr. João Paulo Lordello, Procurador da República, discorreu sobre a corrupção desde os seus primórdios, iniciando sua apresentação com a explanação sobre o mito do “Anel de Giges”, história retirada de obra de Platão onde o autor relata a saga de um pastor de boa índole que após encontrar um anel que lhe conferia invisibilidade passa a praticar inúmeros ilícitos. Por fim apresentou à plateia as 10 medidas contra a corrupção propostas pelo Ministério Público Federal.

Diversas autoridades prestigiaram o evento, dentre elas, registre-se a presença dos Juízes Federais Drª Gabriela Silva Macedo, Dr. Jorge Peixoto, do Juiz de Direito Titular da 1ª Vara Crime da Comarca de Barreiras, Dr. Gabriel de Moraes Gomes, do Promotor de Justiça titular da 1ª Promotoria de Improbidade Administrativa de Barreiras Dr. André Luiz Silva Fetal, do Presidente da OAB Subseção de Barreiras Alessandro Brandão de Campos Lima e da Conselheira Estadual da OAB Bahia, Drª Cristiana Matos Américo.

O sucesso do evento, que lotou o auditório da OAB, revela a preocupação da OAB subseção de Barreiras e da sociedade civil com a manutenção do Estado Democrático de Direito e valorização das políticas de combate à corrupção em todas as esferas do governo.

Fonte: Nova Fronteira
04
Abr / 2016

UM CONVITE PRA VOCÊ!

Fonte: Live Produções

Uma caminhada pela liberação do uso da fosfoetanolamina, conhecida como pílula do câncer, foi realizada neste domingo (3) em Feira de Santana. De acordo com a organizadora Jussara Silva, apesar de a Agência Nacional de Vigilância (Anvisa) afirma que os testes com a substância não foram feitos em humanos, apenas em animais, pesquisadores sustentam que há provas da eficácia do composto na cura do câncer. “Existem pessoas que já estavam em fase terminal, usaram e ficaram bem.

Eu participei há três semanas de um movimento em Brasília e tinha uma pessoa da Bahia que teve a doença, tomou o medicamento e ficou boa, inclusive, estava lá no meio do movimento dando o testemunho”, afirmou em entrevista ao Acorda Cidade. Um projeto de lei que autoriza a produção e uso da substância para pacientes com câncer foi aprovado no último dia 22 de março no Senado. A proposta segue agora para sanção da presidente Dilma Rousseff, a contragosto de entidades representates dos médicos e também da Anvisa. A agência reguladora vai, inclusive, recomendar à presidente que vete a fabricação, distribuição e o uso da substância

Fonte: Bahia Notícias



A Associação dos Amigos dos Autistas de Barreiras e região (Ama) movimentou a praça Castro Alves na manhã de sábado (02) promovendo um encontro de conscientização sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA), no dia mundial dedicado à causa.

O evento, que teve início com uma carreata entre a Câmara de Vereadores e a praça, mobilizou familiares, amigos, colaboradores e profissionais especializados na área de atendimento a este público, principalmente em educação e saúde.



A avaliação foi positiva, segundo a coordenadora da Ama, Joyce Nazario, “porque além de fortalecermos o grupo já existente, conseguimos agregar mais pessoas”. Para ela, o principal objetivo foi cumprido: ampliar o debate sobre o Autismo, que ainda é pouco conhecido e precisa ser desmistificado.

O transtorno pode ser observado desde o primeiro ano de vida e compromete alguns aspectos do desenvolvimento de uma criança. É definido pela quinta edição do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-V), pela presença de “déficits persistentes na comunicação social e na interação social em múltiplos contextos, atualmente ou por história prévia”.



Uma em cada 110 pessoas no mundo tem algum grau de Autismo, desde casos mais leves a exemplo da síndrome de Asperger (sem alteração na fala e da inteligência), até situações mais graves em que o paciente não é capaz de realizar contatos interpessoais. Para realizar o evento a Ama contou com a parceria de empresas amigas e teve apoio do município, através da Secretaria de Saúde.

Fonte: Miriam Hermes
04
Abr / 2016

Pegadinha:)

Fonte: YouTube

O governo apresenta nesta segunda-feira, 4, a defesa da presidente Dilma Rousseff à Comissão Especial de Impeachment na Câmara. Além de um documento com aproximadamente 100 páginas, o advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, fará uma sustentação oral para combater a tese do impeachment, baseada nos argumentos de que a presidente não cometeu crime de responsabilidade. A essência da defesa e o arcabouço jurídico usado por Cardozo será muito semelhante ao que já foi apresentado à Comissão Mista de Orçamento e ao Tribunal de Contas da União (TCU), que analisaram as contas do governo de 2014 e as chamadas pedaladas ficais, argumentos que embasaram o pedido de impeachment em curso. Entretanto, a linguagem será atualizada para se adequar ao ambiente parlamentar e evitar jargões jurídicos. O objetivo é usar fala fácil e sensibilizar os deputados.

"O governo está seguro e vai apresentar uma defesa que desconstrói tecnicamente o pedido de impeachment", afirmou o líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE). Ele aproveitou para criticar a exposição dos autores do processo, Miguel Reale Júnior e Janaina Paschoal, que participaram da comissão na semana passada. "Eles não discutiram o mérito da matéria. O papel deles era apresentar dados técnicos, o que fizeram foi uma agitação política", alegou. Cardozo teria preparado uma sustentação oral de duas horas de duração para apresentar aos deputados. Entretanto, como tem feito durante as oitivas até hoje, a comissão deve conceder apenas 30 minutos para a apresentação da defesa da presidente. O advogado-geral pretende conceder entrevista coletiva e responder à imprensa logo após a audiência.

Fonte: Agência Brasil

O sorteio do concurso 1.805 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 28 milhões para quem acertar as seis dezenas neste sábado (02). O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) no Terminal Rodoviário do Tietê, emSão Paulo (SP)

De acordo com a Caixa Econômica Federal, se um apostador levar o prêmio sozinho e aplicá-lo integralmente na poupança, receberá cerca de R$ 200 mil por mês em rendimentos. Caso prefira, poderá adquirir 35 imóveis no valor de R$ 800 mil cada, ou montar uma frota de 180 carros de luxo. 

Para apostar na Mega-Sena
As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades
A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Fonte: g1

Uma quadrilha fortemente armada explodiu duas agências bancárias e fugiu com o dinheiro de um dos cofres, na madrugada deste sábado (2), em Bertioga, no litoral de São Paulo. Houve troca de tiros com os policiais, mas os criminosos conseguiram escapar próximo a um antigo ferry boat, em Guarujá. Os dois crimes aconteceram em um intervalo de menos de uma hora.

De acordo com informações da Polícia Civil, por volta das 4h, uma quadrilha formada por oito pessoas atacou duas agências bancárias localizadas na avenida Anchieta. O primeiro alvo foi o Banco do Brasil. Eles explodiram a parede e tiveram acesso ao cofre da agência. Os homens conseguiram pegar o dinheiro e seguiram para o banco Bradesco, que fica na mesma avenida.

Os criminosos utilizaram bombas para explodir o segundo estabelecimento. Portas de vidro, de aço e paredes foram destruídas. Eles também tentaram ter acesso ao cofre da agência bancária mas não tiveram sucesso. Em seguida, a quadrilha fugiu em três carros em direção a Vicente de Carvalho, em Guarujá.

Enquanto isso, a Polícia Militar foi acionada por moradores e foi até o local. Os policiais chegaram a trocar tiros com os assaltantes. Na altura do antigo ferry boat, os criminosos abandonaram os três veículos e fugiram. A suspeita é que eles tenham fugido de barco ou receberam o apoio de outros comparsas.

Por enquanto, ninguém foi preso. Os carros utilizados no crime foram apreendidos e eram roubados. Também foi recuperado R$ 1920 em notas, que ficaram espalhadas pela agência do Banco do Brasil. Ainda não se sabe quanto de dinheiro foi levado pela quadrilha. O caso será investigado pela Delegacia Sede de Bertioga.

Fonte: g1

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reconheceu nesta sexta-feira que civis foram mortos nos últimos ataques de drones conduzidos pelo país, mas afirmou que o governo está "muito cauteloso" sobre a realização de ofensivas onde mulheres e crianças estão presentes. Obama foi questionado em uma coletiva de imprensa sobre o aumento do número de pessoas alvejadas em ataques de drones contra extremistas na Líbia, Síria, Somália e outros países. "No passado, havia críticas legítimas de que a estrutura legal em torno do uso de ataques de drones não era tão precisa como deveria ter sido", disse Obama. "Não há dúvida de que civis foram mortos, mas não deveriam ter sido", completou.

Ele acrescentou que nos últimos anos, seu governo trabalhou para prevenir mortes de civis. "Em situações de guerra, vocês sabem, nós temos que ter responsabilidade sobre quando não estamos agindo apropriadamente", afirmou. Recentes ataques aéreos contra alvos extremistas mataram um grande número de pessoas. Um ataque contra um campo de treinamento do Estado Islâmico no oeste da Líbia matou mais de 40 pessoas em fevereiro; um ataque de drone na Somália contra o al-Shabab matou 150, em março; e outro ataque de drone matou dezenas no Iêmen, em fevereiro

Fonte: Associated Press

Economizar combustível, principalmente com frotas é sempre um desafio. Mesmo com o preço baixo do petróleo no mercado mundial, aqui no Brasil é raro ver o preço dos combustíveis baixarem. Para empresas que possuem frotas, ou até mesmo apenas um veículo, economizar combustível é sinônimo de dinheiro no bolso. Apresentamos abaixo, sete dicas de especialistas de fácil aplicação, que os empresários e gestores de frota devem ter em conta, de modo a reduzir a fatura de combustível da empresa.

Fazer a troca de marcha no tempo certo - A troca de marcha faz muita diferença no consumo. Todos os veículos trazem no manual do proprietário a velocidade certa para a mudança, que deve levar em conta o torque do carro. Um carro a 40 km/h não pode estar em 5ª marcha, por exemplo. Assim como você não deve chegar a 100 km/h em segunda. Nos dois casos estará gastando mais do que o necessário. O uso do câmbio de ser suave, sem necessidade de "espichar" até o fim.
Evitar aceleradas bruscas - Evite aceleradas bruscas e desnecessárias. Isso afetará muito a média de combustível. Também não há necessidade de ficar aquecendo o carro pela manhã antes de sair da garagem. Nos modelos com injeção esse aquecimento é feito automaticamente pelo sistema. Nos carros zero quilômetro é recomendado deixar o veículo ligado na primeira partida por alguns minutos nos primeiros 1 mil quilômetros. No demais, basta ligar e sair rodando.
Empresas estão contratando sistemas de gestão de frotas que analisam o comportamento do motorista para economizar combustível

3. Manter a calibragem, alinhamento e balanceamento dos pneus - pneus murchos ou com a calibragem errada influenciam diretamente no consumo. A calibragem deve ser feita no máximo a cada 15 dias, seguindo as orientações das montadoras para pressão, que é diferente para traseira e dianteira e se o veículo está carregado ou não. A indicação de calibragem está no manual do proprietário ou em um adesivo na tampa do tanque ou na porta carro. Os pneus podem ser responsáveis por até 20% do consumo.

4. Evite andar com vidros abertos - Andar com os vidros abertos interfere na aerodinâmica do carro e no consumo de combustível, especialmente a mais de 80 km/h.

5. Evite a "banguela" - Aquele costume antigo de deixar o carro em ponto morto em descidas, a "banguela", é coisa do passado. O veículo deve ficar sempre engrenado. Assim, gasta menos combustível do que se estiver em ponto motor. A injeção eletrônica identifica que não é preciso aceleração e corta o combustível. Evitar a banguela também é questão de segurança porque o carro aproveita o freio-motor.

6. Evite o excesso de velocidade - Para sua segurança e economia, respeite os limites de velocidade. Um carro consome cerca de 20% a mais quando está a 100 km/h do que quando está a 80 km/h.

7. Tenha um sistema para controlar seus veículos - A aplicação de um sistema de gestão de frotas, localização e principalmente de análise de perfil de motoristas, permite recolher relatórios sobre o comportamento de motoristas, dados de telemetria e muitos outros. A partir dos dados recolhidos pelo sistema de gestão de frotas, a empresa poderá detectar os problemas que motivam o consumo exagerado de combustível, e proceder à sua erradicação. Hoje existem sistemas que não necessitam de equipamento instalado no veículo, tudo é coletado pelo próprio celular.

Fonte: Exame

As mortes por gripe H1N1 no Estado de São Paulo chegaram a 55, considerando os dados até o dia 29 de março. O número é cinco vezes maior do que o registrado em todo o ano passado, quando dez pessoas morreram. Em meio ao surto antecipado da doença, o Instituto Butantã, responsável por produzir as vacinas contra a gripe oferecidas na rede pública, passou a adotar turnos extras de trabalho, com jornadas até de madrugada, para conseguir antecipar a entrega de parte das doses.

O boletim divulgado ontem pela Secretaria Estadual da Saúde revela que, além do total de óbitos, foram registrados 372 casos da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) causada pelo H1N1 no Estado, ante 33 em 2015. No balanço divulgado na segunda-feira, eram 260 casos e 38 mortes.

O surto fora de época fez a secretaria antecipar o início da vacinação para o dia 11 na capital e na Grande São Paulo - no restante do Estado, assim como em todo o País, a campanha ocorrerá a partir do dia 30, conforme o agendamento original do Ministério da Saúde. Fazem parte do público-alvo da campanha idosos, crianças entre 6 meses e 5 anos, gestantes, profissionais de saúde, puérperas, doentes crônicos, profissionais de saúde, indígenas, detentos e funcionários do sistema prisional. Serão imunizados a partir do dia 11 deste mês somente os três primeiros grupos.

As primeiras doses antecipadas foram entregues pelo Butantã anteontem, de acordo com Jorge Kalil, diretor do instituto. Por contrato, o laboratório deve enviar ao ministério neste ano cerca de 49 milhões de doses entre abril e maio. Com a produção acelerada, o instituto já finalizou e entregou 16 milhões delas. Em condições normais, esse volume ficaria pronto duas semanas depois. "No começo de março, quando começamos a perceber o aumento de casos de H1N1, passamos a trabalhar em turno extra na área de envasamento", disse Kalil ontem ao Estado.

O setor, que tem 200 funcionários e trabalhava em dois turnos, passou a funcionar em três turnos, 24 horas. Com a mudança, o Butantã dobrou a capacidade de envasamento das vacinas - de 500 mil para 1 milhão por dia.

Outra mudança adotada pelo instituto, por causa do surto antecipado em São Paulo, foi enviar as doses voltadas para o público paulista diretamente para a Secretaria Estadual da Saúde e não para o Ministério da Saúde, como ocorre em todos os anos. "Foi feito um acordo para que, neste ano, a gente não precisasse encaminhar as vacinas para Brasília para depois voltar para São Paulo", disse Kalil.

A fábrica da vacina já funciona 24 horas e não pode ter o trabalho acelerado porque depende do processo natural de crescimento dos vírus. "No processo de produção em si já estamos trabalhando na capacidade máxima. O que conseguimos acelerar foi o envasamento e o controle de qualidade", afirmou.

Coordenador de Controle de Doenças da Secretaria Estadual da Saúde, Marcos Boulos afirmou que a entrega antecipada das vacinas vai possibilitar que os profissionais de saúde - os primeiros a serem vacinados por lidarem com doentes - já possam ser imunizados a partir de segunda-feira. A previsão inicial da pasta era de que isso ocorresse somente a partir do dia 8. "Para o restante da população a gente não consegue antecipar mais porque precisamos preparar a estrutura toda, fazer compra de seringas, agulhas. Na semana que vem, vamos finalizar, para iniciar a vacinação no dia 11."

Fonte: uol
  Curta nossa página
  PUBLICIDADE

| Todos os Direitos Reservados |