Blog Santo Antônio
Notícias

🎉🛍️ Hoje tem promoção especial no Grupo Santo Antonio! Aproveite as melhores ofertas e economize. Não perca! 🎉🛍️ #PromoçãoEspecial #GrupoSantoAntonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

🛒💧 Quinta Dupla no Grupo Santo Antonio! Ofertas imperdíveis em bebidas e produtos de limpeza. Renove seu estoque e economize com a gente! 🛒🧼 #QuintaDupla #GrupoSantoAntonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

Um trabalhador precisou ser resgatado por agentes de saúde do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), após travar a coluna em um local de difícil acesso. O caso aconteceu na cidade de Ibotirama, no oeste da Bahia, na terça-feira (12).

O funcionário estava a uma altura de dois metros, em uma estrutura de madeira que fica no teto de um estabelecimento. Após sentir fortes dores na coluna, o homem ficou parado no local, sem conseguir se mover.

Com a ajuda dos outros funcionários, os agentes de saúde subiram com o auxílio de uma escada, imobilizaram o homem e o colocou em uma espécie de maca.

O paciente foi retirado do local por uma pequena abertura na parede.

O homem foi levado pra o Hospital Regional do Velho Chico e não há informações sobre o estado de saúde dele.

Fonte: G1

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou nesta quarta-feira (13) a proposta de emenda à Constituição que inclui a criminalização da posse e do porte de drogas, em qualquer quantidade, na Carta Magna (PEC 45/2023). Os integrantes da CCJ acataram o relatório do senador Efraim Filho (União-PB), que é favorável à PEC. O texto, apresentado inicialmente pelo senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG), vai ao Plenário, que pode começar a analisá-lo ainda nesta quarta-feira. Em votação simbólica, apenas quatro senadores se manifestaram contra a inclusão da criminalização da posse de drogas ilícitas na Constituição federal.

Na visão de Efraim Filho, a PEC explicita aquilo que já está implícito na Constituição, que considera tráfico de drogas como crime hediondo. O relator afirmou que a sociedade sofrerá consequências na saúde e na segurança pública caso o STF considere inconstitucional trecho da Lei de Drogas (Lei 11.343, de 2006) que criminaliza o porte e a posse de drogas para consumo pessoal.

— É inquestionável que liberar as drogas leva a um aumento do consumo. O aumento do consumo leva à explosão da dependência química… A descriminalização leva à liberação do consumo, mas a droga continua ilícita. Você não vai encontrar ela em mercado, você não vai encontrar ela em farmácia. Só existe o tráfico para poder adquirir. Portanto, descriminalizar é fortalecer o tráfico.

A reunião da CCJ foi conduzida pelo presidente do colegiado, Davi Alcolumbre (União-AP).

"Invasão de competência"

A votação ocorre durante um impasse do Congresso Nacional com o STF relacionado à questão. Dos onze ministros do STF, cinco ministros já votaram pela inconstitucionalidade de enquadrar como crime unicamente o porte de maconha para uso pessoal. Três ministros votaram para continuar válida a regra atual da Lei de Drogas. A quantidade de maconha que determinará se é caso de tráfico ou de uso pessoal também é discutida pelos membros da Corte, que provisoriamente propõem valores entre 10 e 60 gramas.

A PEC prevê que “a lei considerará crime a posse e o porte, independentemente da quantidade, de entorpecentes ou drogas afins sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar”, o que já é previsto na Lei de Drogas. Para o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), a votação é uma reação ao que considera uma invasão de competência do STF.

— O caminho tem que ser por uma PEC, para que nunca mais, independente da composição do Supremo, que irão atropelar a vontade de nós, representante do povo, [que] tem sua maioria no Congresso Nacional (...) contra a legalização das drogas.

A posição foi defendida pelos senadores Eduardo Girão (NOVO-CE), Magno Malta (PL-ES), Carlos Viana (Podemos-MG), Esperidião Amin (PP-SC), Vanderlan Cardoso (PSD-GO), Marcos Rogério (PL-RO), Izalci Lucas (PSDB-DF) e Plínio Valério (PSDB-AM).

Inconstitucionalidade

Na avaliação dos senadores Humberto Costa (PT-PE) e Fabiano Contarato (PT-ES), a discussão do STF tem pleno respaldo legal. Eles lembraram que o Supremo foi provocado a tratar de uma questão que tem natureza constitucional. Contarato também considera que a discussão passa uma “falsa percepção que o problema da segurança pública vai ser resolvido”:

—  [O STF tem] o poder de invalidar qualquer lei que foi eivada pelo vício da inconstitucionalidade. A segunda função, ele tem que dizer o direito quando nós nos acovardamos, porque esses direitos já estão na nossa Constituição. E o terceiro papel é de empurrar a história para o rumo certo. Isso aconteceu com o [julgamento favorável ao] casamento de pessoas do mesmo sexo — disse o senador.

O senador Marcelo Castro (MDB-PI) também afirmou que não vê problema na atuação do STF. Para Castro, a corte não "invadiu competência do Congresso", mas aborda um tema que hoje tem sido tratado com um caráter discricionário: a quantidade de drogas ilícitas que pode configurar tráfico ou consumo pessoal. Na avaliação dele, os cidadãos deveriam ter o direito de fazer uso recreativo da maconha se estiverem “na sua privacidade” e sem ofender a saúde pública.

Além desses três senadores, o líder do governo no Senado, senador Jaques Wagner (PT-BA), votou contra a proposta.

Emendas

O relator incluiu no texto a necessidade de a lei diferenciar os usuários de drogas dos traficantes, o que já ocorre na legislação. Ele especificou que aos usuários devem ser aplicadas penas alternativas à prisão, como advertência sobre os efeitos das drogas, prestação de serviços à comunidade ou medida educativa de comparecimento a programa ou curso educativo.

Efraim também acatou emenda de redação do senador Rogerio Marinho (PL-RN) para que essa distinção se baseie nas “circunstâncias fáticas do caso concreto”. O senador espera afastar a possibilidade de o magistrado categorizar como usuário de droga apenas pela quantidade apreendida, caso o STF acate essa tese de repercussão geral.

— O juiz atenderá à natureza e à quantidade da substância apreendida, ao local e às condições em que se desenvolveu a ação, às circunstâncias sociais e pessoais, bem como a conduta, os antecedentes do agente, ou seja: dá a discricionariedade da definição se é ou não porte ou tráfico a quem faz de fato a apreensão, quem tá “com a mão na massa” — disse Marinho, citando a Lei de Drogas.

Prisão

Os senadores que votaram contra a PEC chamaram a atenção para os desafios sociais com o modelo atual. Para Contarato, a lei é aplicada apenas em regiões marginalizadas.

— Um pobre preto no local de bolsão de pobreza e vilipendiado dos seus direitos elementares, flagrado com cigarro de maconha, a “circunstância fática” ali vai ser a cor da pele e o local do crime, e a ele vai ser atribuído tráfico de entorpecente… Agora no bairro nobre, com a mesma quantidade, pelas “circunstâncias fáticas”, vai ser tratado como usuário.

Na avaliação de Humberto, a prisão de pessoas que deveriam ser consideradas usuárias de drogas pelos juízes aumenta o poder dos crimes organizados.

— Nós vamos ter mais superlotação das cadeias com pessoas que, em boa parte dos casos, não são traficantes. Quando se entra na cadeia, a gente sabe o que acontece: tem que se tornar soldado do crime organizado para poder sobreviver — disse o senador

Quantidade

O senador Sergio Moro (União-PR) discordou das avaliações de que há uma “epidemia de usuários de droga que estão presos equivocadamente como traficantes”. Para ele, usar a quantidade de droga como parâmetro levaria a uma reestruturação do tráfico.

— O distribuidor, que está nas ruas, vai estruturar sua atividade dessa forma e vai carregar consigo somente pequenas quantidades abaixo desse denominador. Vamos supor que ele saia com uma grande quantidade, 40 trouxinhas de 9 gramas. Ele vende 39 e, ao final, ele é pego com uma trouxinha. Ele é “usuário”, mas ele já vendeu 39. E a polícia o observou vendendo, mas escolheu interferir em algum outro momento para a coleta da prova.

O senador Carlos Portinho (PL-RJ) também criticou as quantidades de drogas aventadas nas discussões do STF. Segundo ele, as quantidades são superiores às permitidas em países que são referência na liberação de drogas.

— Não é um magistrado que vai dizer se é 10, 60 gramas. Dez gramas é mais do que a Holanda, que é o país mais avançado no tema, permite. Lá são cinco gramas para consumo próprio. Dez gramas são 34 cigarros de maconha, é um cigarro por dia.

Ao todo, 21 senadores se pronunciaram a favor da PEC, e 4 defenderam sua rejeição.

Com informações do Supremo Tribunal Federal

Fonte: Agência Senado
O veículo tinha restrição por furto registrada no início deste mês

Hoje (13), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou uma motocicleta furtada que era transportada dentro do bagageiro de um ônibus. O fato ocorreu no quilômetro 800 da BR 242, município de Barreiras, oeste baiano.

Por volta das 6 horas, a equipe policial realizou uma abordagem em um ônibus interestadual. Durante fiscalização ao bagageiro, a equipe localizou uma motocicleta Honda/CG 160 de cor prata que era transportada no bagageiro e constataram que os elementos identificadores estavam com indícios de adulteração.

Após uma análise detalhada foi possível identificar o veículo original, que possuía uma restrição por furto registrada no dia 06/03/2024.

Diante dos fatos, a ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil local para adoção das medidas cabíveis.

Fonte: PRF

Nos dias 11 e 12 deste mês, Barreiras recebeu o caminhão da Justiça Eleitoral com o atendimento itinerante do projeto TRE em Todo Lugar. O evento ocorreu na Escola Municipal Santa Luzia, onde 189 eleitores foram atendidos com serviços de alistamento, transferências de títulos, revisão de dados eleitorais, regularização da situação eleitoral, entre outros.

Essa foi a segunda vez que o projeto esteve em Barreiras, na edição anterior foi realizado no CAIC, na Vila Rica. De acordo com Edivaldo Pereira dos Santos, chefe de cartório eleitoral, o bairro escolhido agora foi o Santa Luzia, considerando, principalmente, o fato de ser o mais populoso da cidade, contemplando portanto, o objetivo do projeto. “A proposta é levar os serviços aos bairros e zonas rurais dos municípios, atendendo o público que não pode comparecer aos cartórios eleitorais, aos postos fixos da Justiça Eleitoral ou não tem acesso à internet”, destacou Edivaldo.

O evento contou com a parceria da Prefeitura de Barreiras, que garantiu a infraestrutura necessária para as equipes do TRE em Todo Lugar. “Somos parceiros deste projeto importante para o município. No ano passado, ele foi realizado em um ponto da cidade; agora, foi num ponto extremo, justamente com a proposta de atender um número maior de pessoas”, destacou o chefe do gabinete, Melchisedec Neves.

Apoio que foi destacado também por Edivaldo Santos. “Essa parceria é imprescindível para que o projeto se realize. A prefeitura fornece o espaço, a internet, todo apoio que a gente precisa. A Justiça Eleitoral vem com o caminhão e as equipes para realizar os atendimentos. Sem essa parceria, não seria possível concretizar este projeto”, finalizou.

Fonte: DIRCOM PMB

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) divulgou, no Diário Oficial da Bahia desta quarta-feira (13), o resultado final e a homologação do Processo Seletivo Simplificado para as funções de analista técnico temporário (superior) e técnico de nível médio para atuação no seu órgão central. A publicação relaciona os candidatos por ordem decrescente de nota final, conforme consta em anexo único.

Os candidatos habilitados serão convocados pela SEC por meio de edital de convocação, obedecendo, rigorosamente, a ordem de classificação final do Processo Seletivo Simplificado para o preenchimento das vagas, de acordo com as necessidades da instituição. Do total de 30 vagas, dez são para analista técnico temporário, com área de atuação em ciências jurídicas (direito); 15 para analista técnico temporário nível superior (qualquer área); e cinco para técnico temporário nível médio para a área administrativa.

O Processo Seletivo Simplificado foi constituído de uma única etapa e avaliação curricular de caráter eliminatório e classificatório. A contratação terá o prazo determinado de até 36 meses, com carga horária de 40 horas e possibilidade de renovação por igual período, uma única vez.

Fonte: Ascom/SEC

🥖🎉 Quarta do Pão no Grupo Santo Antonio! Venha saborear pães frescos direto do forno. Faça da sua quarta-feira mais especial conosco! 🥖🔥 #QuartaDoPão #GrupoSantoAntonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

A Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), por meio do Centro de Treinamento e Tecnologia e em parceria com a Prefeitura de Cocos nas secretarias de Agricultura e Educação, promoveu o curso de Operação e Manutenção de Retroescavadeira em Cocos. O evento contou com a participação de 14 alunos, que tiveram a oportunidade de adquirir novos conhecimentos e qualificação para atuar no setor do agronegócio.

Segundo o instrutor Wallyson Nunes, o treinamento capacitou os alunos para operar o maquinário com segurança e eficiência nas atividades diárias. “O conteúdo abrange desde a segurança com a máquina até a operação propriamente dita, explorando todos os comandos e funções para um desempenho máximo. Além das aulas teóricas, os alunos também tiveram aulas práticas em condições reais de campo”, explicou Nunes.

As retroescavadeiras, conhecidas como “máquinas da Linha Amarela”, têm ganhado espaço nas fazendas ao lado da “Linha Verde”, que inclui plantadeiras, pulverizadores e colhedeiras, ampliando as oportunidades de trabalho no setor do agronegócio. Um dos participantes, Eduardo da Silva, que mora em uma fazenda da região, viu no curso uma chance de aprimorar seus conhecimentos. “Foi muito produtivo, um momento de trocar experiências. As orientações aprendidas aqui serão bastante úteis, principalmente nas oportunidades de emprego, pois saberei exatamente como manusear com segurança e realizar o trabalho de forma eficiente”, destacou.

Ederson Souza, frentista e morador do povoado de Santa Rosa, teve sua primeira experiência com maquinário no curso. “O curso é ótimo, o que aprendi aqui levarei para a vida. Recebi muitas orientações sobre segurança, que serão úteis em minhas novas experiências profissionais”, afirmou.

O curso de Operação e Manutenção de Retroescavadeira é realizado pela Abapa em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Essa foi a primeira edição realizada neste ano em Cocos, e em breve será divulgada a data para a capacitação de uma nova turma. Para o secretário de Agricultura do município, Marcell do Vale Wanderley, a parceria com a Abapa é estratégica. “A união na realização desse trabalho fortalece a agricultura familiar do município, ano passado iniciamos com o curso de derivados de mandioca, boas práticas na produção de alimentos e renovamos para 2024 com a solicitação do curso de retroescavadeira. Só temos a agradecer à Abapa e sua equipe por proporcionar melhorias e a qualificação no campo”, finalizou.

Fonte: Assessoria de imprensa Abapa
Brasil deve colher menos soja, milho e sorgo, mas elevar produção de arroz, feijão, algodão herbáceo e trigo; levantamento prevê avanço na área a ser colhida

As condições climáticas desfavoráveis provocaram novas reduções nas estimativas para as safras brasileiras de soja e milho neste ano, derrubando um pouco mais a previsão para a produção agrícola brasileira.

Ela deve totalizar 300,7 milhões de toneladas em 2024, 14,7 milhões de toneladas a menos que o desempenho recorde de 2023, um recuo de 4,7%. O resultado ainda é 2,7 milhões de toneladas inferior ao previsto no levantamento de janeiro, uma queda de 0,9%.

Os dados são do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola de fevereiro, divulgado nesta terça-feira, 12, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em comparação à safra histórica do ano passado, o Brasil deve colher menos soja (-1,8%), milho (-10,8%) e sorgo (-14,0%), porém, mais arroz (1,3%), feijão (8,1%), algodão herbáceo (5,6%) e trigo (24,2%).

"Vale destacar também a produção de feijão e de arroz. Ambas estão atendendo à demanda do mercado interno, não havendo necessidade de importação dos produtos, o que consequentemente ajuda no combate à inflação no país", apontou Carlos Barradas, gerente do levantamento do IBGE, em nota oficial.

Área colhida cresce, produção recua
Apesar da redução na expectativa de produção, é esperado avanço na área a ser colhida, o que reflete uma queda na produtividade. O País deve colher 78,0 milhões de hectares na safra de 2024, uma alta de 0,2% em relação a 2023, 160,5 mil hectares a mais.

"Apesar da expansão da área plantada, a produtividade está caindo devido aos problemas climáticos", justificou Barradas.

O arroz, o milho e a soja — três principais produtos da safra brasileira de grãos — respondem juntos por 92,0% da estimativa da produção e por 86,9% da área a ser colhida. A soja deve alcançar uma produção de 149,3 milhões de toneladas em 2024. O milho deve somar 116,9 milhões de toneladas, sendo 25,1 milhões de toneladas de milho na 1ª safra e 91,8 milhões de toneladas de milho na 2ª safra. A produção do arroz foi estimada em 10,4 milhões de toneladas, e a de feijão, em 3,2 milhões de toneladas. A produção de trigo alcançaria 9,6 milhões de toneladas em 2024, a do algodão herbáceo totalizaria 8,2 milhões de toneladas, e a do sorgo, 3,7 milhões de toneladas.

Revisão nas estimativas em fevereiro

Os números já refletem os declínios, na passagem de janeiro para fevereiro, nas estimativas de produção de soja (-0,8% ante o previsto em janeiro, ou -1,162 milhão de toneladas), milho 1ª safra (-3,0% ou -782,970 mil toneladas), trigo (-6,6% ou -682,744 mil toneladas), milho 2ª safra (-0,1% ou -53,547 mil toneladas), cevada (-14,9% ou -72,354 mil toneladas), aveia (-6,2% ou -75,958 mil toneladas), batata 1ª safra (-2,0% ou -33,622 mil toneladas), uva (-1,2% ou -20,117 mil toneladas), fumo (-0,9% ou -5,783 mil toneladas) e batata 2ª safra (-0,7% ou -8,964 mil toneladas).

"Neste início de 2024, seguimos observando os efeitos dos eventos climáticos que aconteceram no ano passado, como o excesso de chuvas na região Sul e a falta delas no Centro-Oeste e no Norte. Além disso, como o volume de produção da soja é muito expressivo no país, a redução de 0,8% na variação mensal teve grande impacto no resultado geral, assim como as quedas nas estimativas de produção de trigo e milho", completou Carlos Barradas.

Em relação a janeiro, houve aumentos nas estimativas de produção do feijão 2ª safra (6,2% ou 84,759 mil toneladas), café canephora (1,4% ou 15,077 mil toneladas), feijão 1ª safra (1,4% ou 13,855 mil toneladas), feijão 3ª safra (0,8% ou 5,485 mil toneladas), cacau (0,7% ou 1,990 mil toneladas) e tomate (0,6% ou 26,632 mil toneladas).

Fonte: Terra

Na manhã desta terça-feira (12), ocorreu no plenário da Câmara de Vereadores de Ibotirama a solenidade alusiva à Passagem de Comando da 28ª CIPM.

Ato presidido pelo Comandante de Policiamento da Região Meio Oeste, Cel PM Mascarenhas, foi marcado pela passagem do Comando do Maj PM Barroso Neto, ao Cap PM Thiago.

O evento contou com a presença de diversas autoridades do Poder Executivo, Legislativo, bem como representantes dos veículos de comunicações locais e representantes de entidades filantrópicas.

Fonte: 28ª CIPM

Na tarde de ontem, terça-feira, 12, por volta das 14h, o motorista de um caminhão morreu ao passar mal, quando conduzia um caminhão, pela rodovia estadual BA 447, entre Barreiras a Angical.

O Roberval Pacheco Ferreira, 59 anos, teve um mal súbito, onde o caminhão carregado de bois, ficou desgovernado, saiu da pista e parou num matal.

O carona ao perceber que o motorista passou mal, conseguiu a tempo controlar a direção do caminhão, evitando que tombasse.

Uma equipe do SAMU esteve no local, mas só pode atestar o óbito.

Após perícia pelo Departamento de Polícia Técnica, o corpo foi removido para o IML de Barreiras, para necropsia.

A CIPRv/Barreiras, registrou o caso.

Fonte: Reportagem de Jadiel Luiz/Blog do Sigi Vilares

🥦🌟🥦🌟 Terça da Verdura no Grupo Santo Antonio! Venha conferir nossa seleção fresca de vegetais. Faça sua terça-feira mais saudável e saborosa conosco! 🥦🌱 #TerçaDaVerdura #GrupoSantoAntonio

Fonte: Grupo Santo Antonio

A Prefeitura de Barreiras deu início a um amplo projeto de georreferenciamento de todos os imóveis da zona urbana. A iniciativa visa proporcionar uma visão detalhada e atualizada da cidade, através de um trabalho de georreferenciamento aéreo. A primeira etapa do trabalho que teve início no domingo (10) e deve ser concluída ainda esta semana está sendo realizada pela empresa Serviços Aéreos Industriais Especializados (SAI), sediada em São Paulo e contratada após vencer a licitação promovida pela Prefeitura.

O subsecretário da Fazenda Municipal, Fernando Fernandes, esclarece que o trabalho que deve durar por volta de seis meses se completa com mais três etapas seguintes. “Nós teremos ainda a coleta de imagens móveis com câmera de 360 graus com um veículo especializado que percorrerá todas as ruas da cidade, também a etapa do processamento das imagens e cruzamento de informações com a base do cadastro municipal, e a quarta e última etapa que consiste na atualização da base do cadastro imobiliário. Trata-se de cadastro multifinalitário, que proporcionará uma série de informações estratégicas para aprimorar o trabalho da gestão municipal”, detalha o subsecretário.

De acordo com o diretor de tributos, Roberto Pereira da Silva Júnior, esta ação é de suma importância para o município, pois, resultará em melhorias na arrecadação de impostos, como o IPTU, e também fornecerá informações detalhadas sobre áreas disponíveis para implantação de projetos e unidades nas áreas de saúde, infraestrutura e educação, por exemplo. “A cidade está sendo literalmente vista de cima, este estudo inédito ficará para o Município e poderá ser consultado sempre que necessário”, destaca Roberto.

A bordo de um avião da empresa, o piloto Rafael Ciasulli, e o engenheiro responsável pela coleta de dados Luan Rodrigues, sobrevoam Barreiras realizando a coleta de informações por meio de fotos e leitura a laser, o aerolevantamento laser e ortofoto, a partir das informações fornecidas por um software que dividiu a área do município em linhas para facilitar o processo.

Todos os dados coletados serão compilados e processados no escritório da empresa em São Paulo, para então serem transformados no produto final que será entregue à Prefeitura de Barreiras. Posteriormente, este material estará disponível para consulta pelos cidadãos, fornecendo informações detalhadas sobre seus imóveis.

Para o prefeito Zito Barbosa, esse é mais um marco histórico para a cidade. “Este projeto representa um passo significativo para a modernização da gestão municipal e para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos barreirenses. É mais um legado histórico que estamos deixando para a população de Barreiras, mesmo estando no nosso último ano do nosso mandato, pois sempre fizemos gestão pensando no futuro de Barreiras”, destaca o gestor do município.

Fonte: DIRCOM PMB
Os acidentes ocorreram em rodovias estaduais. Uma ocorrência envolveu dois carros e a outra um carro e uma moto.

Cinco pessoas morreram em dois acidentes no domingo (10), na região oeste, nas rodovias estaduais BA-463 e BA-172.

Em um deles, envolvendo dois carros, três pessoas não resistiram aos ferimentos. O veículo em que estavam capotou na BA-463, próximo a cidade de São Desidério. Entre as vítimas estava uma criança de cinco anos.

De acordo com informações, o motorista perdeu o controle da direção. Cinco pessoas estavam no veículo no momento do acidente. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e confirmou a morte de três vítimas.

Os mortos foram identificadas como Ícaro Natan Souza, de 4 anos, Maria Vilanir do Nascimento Souza, de 41 anos, e Maria Gorete do Nascimento Souza, que não teve a idade revelada.

Outros dois ocupantes do carro ficaram feridos e foram encaminhados para um hospital de São Desidério. Não há detalhes sobre o estado de saúde delas. Ainda segundo informações, os passageiros tinham ido para o enterro de um familiar no estado do Maranhão e o acidente ocorreu quando eles retornavam para Brasília, no Distrito Federal.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado para realizar perícia e remoção dos corpos. Eles foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras e liberados para sepultamento.

O outro acidente registrado na tarde de domingo aconteceu na BA-172, entre as cidades de Coribe e Jaborandi. Dois ocupantes de uma motocicleta morreram após colidir contra um carro.

O motorista do veículo ficou ferido e foi encaminhado para um hospital da região. Segundo apuração da TV Oeste, ele deve responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Não há detalhes sobre o estado de saúde dele.

Fonte: G1
Parte dos contribuintes poderá baixar programa a partir desta terça

 

O contribuinte que quiser preencher antecipadamente a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2024 poderá baixar o programa gerador a partir desta terça-feira (12). A Receita Federal antecipou a liberação do programa, que inicialmente só seria baixado a partir de sexta-feira (15).

O download antecipado será possível apenas aos contribuintes com conta nível prata e ouro no Portal Gov.br. Os demais terão de esperar até sexta-feira para baixar o programa.

Em nota, o Supervisor Nacional do Programa do Imposto de Renda, José Carlos Fonseca, informou que a antecipação do acesso ao programa permite ao contribuinte a possibilidade de verificar as informações necessárias e, se for o caso, levantar documentações que porventura sejam necessárias.

O prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda começa às 8h da próxima sexta-feira e vai até as 23h59min59s de 31 de maio. Neste ano, o Fisco espera receber 43 milhões de declarações, contra 41.151.515 entregues em 2023.

A declaração deste ano teve algumas mudanças. Por causa do novo limite de isenção, que entrou em vigor no ano passado, os valores de rendimentos isentos e não tributáveis e de patrimônio mínimo para declarar Imposto de Renda subiram . No entanto, os limites de deduções não mudaram.

Fonte: Agência Brasil


Fonte: Grupo Santo Antonio

Na noite desta quinta-feira, 7 de Março, pouco depois das 20h, um homem ainda não identificado foi brutalmente assassinado a tiros nas proximidades do condomínio Bosque dos Ipês, situado na região do bairro Bosque dos Girassóis, em Luís Eduardo Magalhães.

Até o momento, as autoridades não divulgaram informações sobre o modo operante do assassino ou a possível motivação por trás desse ato hediondo. O corpo da vítima foi encontrado caído próximo a uma bicicleta azul, aumentando o mistério em torno do ocorrido.

As investigações estão em andamento, e espera-se que em breve mais informações sejam divulgadas pelas autoridades competentes.

O corpo da vítima será encaminhado para o IML de Barreiras após perícia no local.

Fonte: Reportagem de Weslei Santos/Blog do Sigi Vilares

Na madrugada de quarta-feira, 6, por volta das 2h30, a guarnição de serviço do PETO da 28ª CIPM foi solicitada para verificar um denuncia de um homem ostentando arma de fogo e ameaçando transeuntes nas proximidades do posto Nova Olinda, em Ibotirama.

Após localizar e abordar o elemento, foi encontrado em sua posse um simulacro de arma de fogo tipo pistola. O suspeito foi conduzido juntamente com o simulacro para apresentação na Delegacia Territorial de Ibotirama.

Fonte: ASCOM/28ª CIPM

Na tarde desta quarta-feira (06), um jovem por nome Jhoni, conhecido como Bodinho, foi morto em confronto com a Polícia Militar no Bairro São Francisco, em Irecê.

De acordo com informações da PM, a equipe foi acionada e, ao chegarem ao local, os policiais foram recebidos a tiros e revidaram. Bodinho foi atingido e não resistiu aos ferimentos. segundo informações ele era conhecido por envolvimento em atividades ilícitas.

A investigação do caso está em andamento pela Polícia Civil, que apura as circunstâncias do confronto e a responsabilidade de Bodinho pelos crimes que lhe eram imputados.

Fonte: Irecê Agora
  Curta nossa página
  PUBLICIDADE

| Todos os Direitos Reservados |